Quais perguntas você deve fazer antes de uma apresentação em público?

0

Do que são feitas as apresentações de alto impacto? De muitos aspectos, mas, sobretudo, de como são realizadas as etapas de planejamento.

O processo de se preparar para uma situação de exposição de fala interfere diretamente na performance do comunicador e no quanto a sua mensagem será bem aceita pela audiência.

Nesse sentido, fazer as perguntas corretas é determinante. São perguntas sobre o público, sobre o evento e sobre o conteúdo. Elas permitem uma definição estratégica de recursos, temas e abordagens, como você verá neste artigo.

Quais perguntas fazer sobre o público?

Você conversa sobre os mesmos assuntos com pessoas de idades diferentes? Pode até ser que sim, mas com abordagens distintas entre si. Nas apresentações, o perfil do público precisa ser considerado por você, comunicador.

Por essa razão, você precisa incluir, nas etapas prévias de planejamento, a ação de se informar sobre sua audiência. Esse deve ser um dos passos iniciais porque é a partir das informações sobre o público que você definirá seu conteúdo.

Você pode fazer quais perguntas achar necessárias, mas quatro são indispensáveis:

– Quantas pessoas são?

– Qual a faixa etária média?

– Qual é o nível socioeconômico médio?

– O quanto as pessoas sabem sobre o assunto que vou abordar?

Onde encontrar essas informações? Depende de qual é a sua situação de exposição de fala. Caso seja um evento, por exemplo, você consegue esses dados com a equipe de produção.

Quais perguntas fazer sobre o evento?

Nas etapas de preparação para uma apresentação em público, devem estar os momentos de planejar quais recursos serão utilizados para transmitir o conteúdo. Logo, o comunicador precisa saber o que terá a seu dispor no evento.

Dito isso, as perguntas que você deve se fazer sobre o evento são:

– Qual é o tipo de microfone disponível?

– Posso visitar o espaço antes da apresentação ou ver uma foto dele?

– Posso levar meu próprio material (notebook, laser pointer, entre outros)?

– Terá wifi disponível para os apresentadores?

Esses dados sobre o evento serão necessários não apenas para você definir seu conteúdo e abordagem, mas também para saber como poderá apresentá-los de uma maneira mais dinâmica. É, ainda, uma forma de evitar imprevistos.

Quais perguntas fazer sobre o conteúdo?

Imaginemos, agora, uma outra situação. O seu público tem características similares, mas uma das apresentações acontece em um evento de fim de ano. A outra, por sua vez, acontece em um evento de lançamento de um novo produto.

Você pode até falar sobre o mesmo assunto, mas a sua abordagem será a mesma nesses dois contextos? Se ela for estratégica, dificilmente. A razão disso é que as características dos dois eventos não são similares e é preciso considerar esse aspecto.

Então, as perguntas centrais sobre o conteúdo são:

– Há uma temática para o evento? Caso sim, qual é ela?

– Qual é objetivo da apresentação?

– Qual emoção eu desejo provocar na audiência?

– Se outros comunicadores participam do evento, sobre o que eles falam?

Esses questionamentos serão um guia para você definir todos os aspectos do seu conteúdo: desde o tema central até a maneira como você irá transmitir a sua mensagem.

É importante que o seu conteúdo esteja inserido em um contexto maior, isto é, o do evento. Mas que também seja autêntico e se diferencie de outras apresentações, especialmente aquelas que ocorrem antes da sua.

Lembre-se de se fazer esses questionamentos e incluir os dados coletados nas etapas de planejamento e prática da sua apresentação (ou outro tipo de situação de exposição de fala).

 

Fonte:

www.thespeaker.com.br

 

Você quer atrair muitos clientes para o seu escritório e ganhar mais dinheiro?
Clique AQUI e participe gratuitamente da Semana do Marketing Jurídico!
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais Aceitar Leia mais