Consulta débitos IPVA: saiba onde e como fazer?

0

 

*Diego Andrade

Meta-description: Consultar o IPVA não precisa ser uma dificuldade. Hoje em dia existem formas alternativas de pesquisa e de pagamento do IPVA. Saiba mais neste artigo.

Você sabe como fazer a consulta débitos do IPVA? Se não sabe, é importante aprender antes de quitar os tributos de 2020, 2021 ou anos subsequentes.

Afinal, o IPVA não é um imposto tão bem organizado como é o caso do IPTU. No IPTU, recebemos o boleto organizado em casa, com todas as datas e códigos de barra para pagar.

No IPVA, não. É preciso pesquisar sobre o imposto para poder fazer o pagamento correto. A situação fica ainda mais difícil quando queremos parcelar o tributo.

Mas e aí, como fazer a consulta de débitos do IPVA? Basta seguir a leitura para aprender e não errar mais!

 

O que é o IPVA?

A sigla IPVA vem de Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores. O tributo é cobrado de motoristas que sejam donos de veículos motorizados que andam sobre a terra, como carros, motos, motocicletas, caminhões e ônibus.

Por ser um tributo de competência estadual, o IPVA é diferente em cada uma das unidades federativas do país, incluindo suas taxas cobradas e método de parcelamento, além das datas em que o imposto deve ser pago.

A cada ano, as datas mudam, o que confunde muito os motoristas e dificulta que o parcelamento possa ser feito de maneira adequada.

Por isso, é importante aprender como consultar os débitos do IPVA para não cometer o erro de ficar sem pagar o imposto, o que acaba acumulando e gerando consequências negativas no futuro, inclusive se você tiver o objetivo de vender o carro.

 

Como fazer a consulta de débitos do IPVA?

A consulta débitos IPVA pode ser feita de algumas maneiras diferentes. Uma delas é pelo site da Secretaria da Fazenda do seu estado.

O método exato é diferente em cada unidade federativa, pois cada governo tem a prerrogativa de montar o seu site de uma forma. Por isso, o caminho exato para a consulta é diferente em cada um.

No entanto, o básico deve ser entrar na área sobre Impostos ou sobre o IPVA e clicar em fazer a consulta. Cada site também pede por um documento específico, sendo o Renavam o mais usado para isso.

Uma ferramenta mais útil, fácil de usar e igualmente confiável é o Web Despachantes. O serviço (gratuito) pode ser usado pelo seu site oficial ou pelo aplicativo para Android ou iOS.

Basta selecionar o seu estado (o serviço só está disponível em São Paulo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Paraíba e Espírito Santo) e então inserir o seu Renavam no campo de busca.

Além do IPVA 2020, os resultados da busca mostraram todos os débitos ligados ao seu carro, como o licenciamento e multas a pagar. Assim, fica muito mais fácil organizar a sua vida financeira.

Isso sem falar na facilidade do sistema, que é muito ágil e intuitivo, ao contrário das páginas governamentais, que tendem a ser mais lentas e complicadas de usar.

 

Quais as melhores formas de pagar o imposto?

Depois de consultar os débitos do IPVA para o seu carro (que são calculadas com base na alíquota de cada estado e usando o valor base do automóvel na Tabela FIPE), é hora de decidir como irá pagar o imposto.

Novamente, o WebDespachantes é a melhor opção. O site permite a possibilidade de quitar o imposto usando o cartão de crédito.

Assim, o Imposto não fica preso ao sistema do governo (que, na maior parte das vezes, só permite parcelamento em 3 parcelas).

No WebDespachantes, é possível parcelar o IPVA em até 12 vezes, o que torna o tributo muito mais acessível e com um peso muito menor no seu bolso.

Assim, dá para controlar melhor a sua vida financeira e pagar o IPVA não fica tão pesado, especialmente agora no começo do ano quando existem outros tributos a pagar (como o já citado IPTU), ainda existem parcelas do Natal e temos outros gastos típicos da época.

 

É seguro usar o WebDespachantes?

Essa é uma dúvida muito comum. Afinal, trata-se de um serviço que você não conhece e que pede o seu cartão de crédito para funcionar. Mas sim, o WebDespachantes é confiável e seguro.

O serviço foi homologado pelo Denatran em 2018, através da Portaria nº 179. Além disso, o site e serviço deles é montado com as melhores normas de segurança digital atuais.

O sistema usa o protocolo de segurança SSL para criptografar os dados trocados entre os usuários e o servidor, de modo a evitar que a informação seja interceptada. Além disso, existem certificações de pagamento em ordem para evitar fraudes.

Isso em falar no fato de que cada transação é verificada manualmente para garantir uma camada extra de proteção contra qualquer tipo de problema ou de interferência externa.

Assim, dá para dizer que o WebDespachantes é bem seguro e que funciona muito bem para o que propõe. Para quem tem débitos automotivos, incluindo o IPVA, é uma excelente opção.

E aí, aprendeu como faz a consulta débitos IPVA 2020? Então deixe um comentário abaixo com a sua opinião!

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais Aceitar Leia mais