Saiba como personalizar o seu escritório de advocacia

A decoração de um escritório de advocacia é muito importante. Isso porque essa profissão tem uma área de atuação bem definida, o que se faz necessário um bom marketing na decoração, para atender bem os clientes.

Um ambiente agradável permite que ao profissional recepcionar bem as pessoas, independente de ser um pequeno, médio ou grande escritório.

A decoração colabora diretamente com a imagem do advogado, refletindo na impressão que ele causa aos seus clientes e futuros clientes.

Por conta disso, é fundamental que o escritório tenha um ar de seriedade, trazendo um sentimento de segurança às pessoas que procuram esse serviço.

Mesmo assim, é possível obter uma decoração que traga essa segurança e seriedade, de maneira personalizada e bem original.

Ambientes tradicionais, muito usados antigamente, com móveis escuros e pesados estão saindo de cena. Isso porque, atualmente, as pessoas sabem a importância de um ambiente leve para trabalhar.

Por isso, é possível personalizar os escritórios de advocacia, deixando-os a cara da empresa. Para isso, é importante levar em consideração a disposição dos móveis, cores utilizadas, materiais escolhidos dentre outras opções.

Neste artigo, trazemos algumas dicas para ajudar a decorar o escritório de advocacia de maneira profissional e com muito conforto.

 

Planejar é importante

Em primeiro lugar, é fundamental planejar o escritório desde a sua construção. Quem vai alugar um imóvel ou uma sala comercial, não precisa se preocupar com esse ponto.

Cada elemento desse projeto deve ser pensado para o bem-estar e conforto dos profissionais e seus clientes. 

Além disso, deve ser pensado de maneira a ressaltar os valores e a identidade visual do escritório.

Caso o imóvel esteja sendo construído fora de terrenos em condomínios, é fundamental procurar por empresa de instalação de interfone SP, pois eles são importantes na hora de recepcionar clientes e visitantes.

Tanto a planta quanto a decoração precisam ser planejados levando em conta aspectos do dia a dia da empresa. É necessário incluir projeto acústico e luminoso, além de espaços ergonômicos e funcionais.

Para isso, é indispensável a presença de um bom profissional, como um arquiteto, que consegue planejar um ambiente dentro das normas e características da advocacia, mas de maneira personalizada.

Para os advogados, contar com um arquiteto para decorar o escritório nunca é um gasto, mas um investimento, já que o escritório também funciona como um cartão de visita para esses profissionais.

Além disso, em casos de reformas, um planejamento feito por um profissional sempre vai optar por materiais de qualidade elevada, como piso laminado de madeira. Tal opção evita a necessidade de troca e mais gastos com reforma.

Como vantagem desse planejamento, o resultado é um ambiente que colabora com a produtividade dos profissionais, reduzindo estresse e outros problemas. Isso porque um bom planejamento do ambiente consegue pensar em itens importantes como:

  • Iluminação correta;
  • Isolamento acústico ideal;
  • Escolha de móveis ergonômicos;
  • Construção de ambiente agradável e salutar.

Sendo assim, o planejamento do projeto pensa na construção, reforma ou decoração do escritório de advocacia de maneira mais inteligente e funcional.

Isso acaba por otimizar o espaço disponível, aproveitando cada peça do mobiliário para a construção de um ambiente harmonioso e que facilite o fluxo de pessoas. Durante o planejamento, existem diversos itens que precisam ser pensados.

 

Dicas especiais para a decoração de um escritório de advocacia

Atualmente, por conta da modernização de espaços e móveis, é possível decorar um escritório de advocacia, sem que ele tenha aquele peso dos escritórios antigos, mas com a seriedade deles. 

Portanto, para personalizar o escritório de maneira séria e atrativa é necessário:

Pensar nas necessidades

É fundamental pensar no que os profissionais mais precisam em determinado espaço. E isso inclui espaços internos e externos, contratando serviços como empresa de pintura de estacionamento.

Mesmo que o local seja pequeno, é importante levar em conta que ele receberá clientes, visitas, entre outros. E todos precisam se sentir confortável.

Portanto, é fundamental priorizar o dia a dia de trabalho, para que o ambiente seja o mais agradável possível. Por exemplo, a recepção e sala de espera não precisam ser espaços muito grandes, mas devem ser confortáveis.

Também é importante que esses ambientes sejam agradáveis porque eles serão a primeira impressão que os clientes terão dos profissionais. Sendo assim, deve-se investir em televisores, sofás, revistas e wi-fi para tornar o ambiente melhor.

Cada profissional tem uma necessidade diferente, por isso, na hora de decorar é necessário levar as mais importantes em conta.

Escolher bem os móveis

Assim como nos prédios a instalação de elevadores é indispensável, nos escritórios de advocacia os móveis também são e precisam ser de alta qualidade.

Eles são importantes porque oferecem conforto, praticidade e auxiliam durante toda a rotina de trabalho. Sofás, poltronas, cadeiras, mesas, estantes, prateleiras e aparadores são alguns dos móveis que podem estar em um escritório de advocacia.

Além de trazerem conforto e auxiliar a rotina do escritório, os móveis são uma excelente maneira de personalizar o ambiente. 

Ser original nesse momento é crucial, por exemplo, optando pelos móveis planejados para espaços menores.

Ao escolher a mesa de trabalho, é importante dar atenção especial a ela, já que é ali que o profissional passará boa parte de seu tempo. 

A cadeira deve ser profissional e ergonômica, pois os móveis ergonômicos auxiliam o profissional a trabalhar com uma postura correta.

Ainda hoje, os livros são objetos importantes para exercer a profissão de advogado, o que se faz necessário a compra de prateleiras. O ideal é deixar expostos somente aqueles livros que são consultados diariamente, principalmente se o espaço for pequeno.

Também é essencial usar telas de segurança em janelas, caso o escritório seja em um andar alto, para evitar acidentes. Próximo à entrada podem ser usados aparadores para expor fotografias e outros objetos decorativos como vasos.

A decoração deve ser constituída mais do que apenas por móveis, mas também por objetos decorativos como tapetes e quadros. Esses itens deixam o espaço mais aconchegante e melhoram o ambiente de trabalho.

Também recomenda-se priorizar móveis que colaborem para a organização. Peças que mantêm o ambiente de trabalho em ordem são primordiais. Elas facilitam as tarefas diárias, organizam itens como pastas e documentos, passando uma imagem de seriedade.

 

Pensar cuidadosamente nas cores

Antigamente, era comum que as pessoas pensassem em móveis pesados e escuros para a decoração de escritórios de advocacia, mas, hoje em dia, isso mudou.

A necessidade de passar uma sensação de sobriedade e segurança continua, e isso pode ser facilmente conquistado a partir do uso de cores neutras. 

Mas, mesmo assim é possível fazer uso de itens como adesivo para decorar parede que trazem mais descontração ao ambiente.

Para garantir essa leve descontração, é possível fazer um jogo de cores entre paredes, móveis e objetos de decoração de maneira harmônica. Para alcançar esse objetivo, basta não usar somente paletas de cores muito neutras ou muito vivas.

O contraste sempre funcionou muito bem. Portanto, usar cores de grupos diferentes é uma excelente opção nos detalhes. Por exemplo, o ideal é usar as cores vivas em objetos menores como almofadas e pequenos vasos.

Esse jogo de cores traz um ar moderno e profissional ao escritório, além de deixá-lo com aspecto de organização muito melhor.

 

Prezar pela iluminação e ventilação

Nenhum cliente ou profissional se sentiria agradável e confortável em um ambiente abafado e escuro. 

A iluminação e a ventilação são dois critérios que influenciam não apenas no bem-estar do cliente, mas também na rotina de trabalho do profissional.

A iluminação do escritório precisa ser muito bem planejada, assim como sua segurança ao possuir cuidados como recarga de extintor em dia.

Mais do que trazer um resultado agradável e elegante, uma boa iluminação garante economia, equilíbrio e funcionalidade, trazendo mais saúde e qualidade de vida no dia a dia do profissional.

Quanto à ventilação, é fundamental priorizar uma ventilação natural por meio de janelas. No entanto, principalmente em um país quente como o Brasil, é indispensável contar com um ar condicionado para climatizar o ambiente e torná-lo mais agradável.

 

Garantir funcionamento contínuo de energia

Quedas bruscas de energia podem interromper uma reunião e trabalhos importantes dentro de um escritório de advocacia. 

Por isso, é fundamental contar com manutenção de geradores para garantir o funcionamento de uma energia contínua, mesmo em caso de quedas.  

Além disso, os geradores também possibilitam a escolha de outros espaços para a idealização de escritórios de advocacia, como os containers, por exemplo.

Decorar e organizar um escritório para o trabalho de advogados não é tarefa difícil. Para isso, bastam bom senso e seguir dicas valiosas, como as passadas neste texto. 

Tanto os clientes quanto os profissionais se sentirão muito bem nesse ambiente renovado.  

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Esse conteúdo ajudou você? Está precisando comprar um livro?  Clique AQUI e vá direto para Livraria do Âmbito Jurídico!

Ausência de leito para todos e a escolha sobre…

Por Fernando Bianchi, Sócio Miglioli e Bianchi Advogados, Especialista em Direito da Saúde – Universidade de Coimbra – PT, Membro da Comissão de Direito...
MariaEduarda
3 min read

Para que serve o pacto antenupcial?

Conheça a importância do documento e o que ele abrange O casamento é uma decisão importantíssima, que pode mudar sua rotina e questões com...
MariaEduarda
1 min read

Com aumento do ITCMD todas as transmissões por sucessão…

Estratégias com reorganização patrimonial, como Planejamento Sucessório, podem mitigar os custos com aumento de impostos, inclusive a incidência do Imposto sobre Grandes Fortunas que...
MariaEduarda
1 min read

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *