Endividados, 87% dos brasileiros vão usar o 13º para quitar pagamentos atrasados

0

Uma pesquisa da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac) aponta que 87% dos brasileiros devem usar o salário extra no fim de ano para colocar as contas em dia. O percentual ficou um pouco acima do índice de 2018, que era de 86% dos entrevistados.

Em nota, a Anecaf afirma que a estagnação da economia reduz o poder de compra dos trabalhadores, o que provoca um caos na vida financeira. “Isto demonstra que a redução da atividade econômica, desemprego maior, taxas de juros elevadas aumentaram o endividamento dos consumidores”.

Com tanta dívida, fica mais difícil cumprir todas as obrigações. A recomendação dos especialistas é que o consumidor procure ter uma educação financeira que permita um gasto mais consciente e que ele crie sempre uma reserva que evite surpresas indesejadas.

Já que muitos brasileiros vão usar o dinheiro para pagar dívidas, os presentes deste fim de ano devem ficar magros. Apenas 5% dos entrevistados disseram que pretendem usar parte do 13º salário para comprar presentes. Outros 2% pretendem usar o dinheiro para pagar as despesas de começo de ano, enquanto outros 2% pretendem iniciar um investimento com parte do que sobrará.

A Anefac aponta ainda que 1% quer usar parte dos recursos para compra e reforma da casa, e que 3% já receberam parte ou todo o 13º ao longo do ano, ou fizeram empréstimos em antecipação.

A pesquisa foi realizada junto a 1.130 consumidores de todas as classes sociais durante o mês de outubro.

Mayk Souza

Você quer atrair muitos clientes para o seu escritório e ganhar mais dinheiro?
Clique AQUI e participe gratuitamente da Semana do Marketing Jurídico!
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais Aceitar Leia mais