Artigo escrito por sócios da Daniel Advogados citado em fundamentação de decisão judicial da 12ª Vara Cível Federal de São Paulo

0

Texto dos advogados Rafael Marques Rocha e Paula Armando de Souza é citado em sentença de mérito

O artigo “Possibilidade de cumulação de indenização em ações de nulidade de registro de marca”, que trata a competência da justiça federal para cumulação de pedidos anulatórios e indenizatórios, foi citado recentemente em decisão do processo Nº 5011533-49.2018.4.03.6100, da 12ª Vara Cível Federal de São Paulo. Os autores do texto são os sócios Rafael Marques Rocha e Paulo Armando Innocente de Souza, da Daniel Advogados.

No caso em questão, o pedido do autor foi impugnado pelo Magistrado, que fez referência expressa ao trecho do citado artigo que aborda a tese de que a competência absoluta e improrrogável da Justiça Federal, delineada na Constituição, é um óbice à cumulação do pedido indenizatório com o anulatório, quando sobre o primeiro não há interesse jurídico federal que justifique a competência do Poder Judiciário Federal para seu processamento e julgamento.

“A discussão sobre direitos de propriedade industrial, no âmbito judicial, gera, já há algum tempo, controvérsias acerca da cumulação de determinados pedidos que se destinam a competências diversas para suas respectivas análises. O debate perante este tema não deixou de receber questionamentos e, frente aos novos entendimentos da Justiça Federal do Rio de Janeiro sobre a natureza dos direitos gerados pelos atos do Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi), o tópico merece ser revisado, versando também a posição da citada autarquia, e é sobre isso que se trata este artigo”, afirma o sócio e autor do artigo Rafael Marques Rocha, que complementa: “A decisão do Inpi que concede o registro de uma marca, ao contrário do que alguns possam pensar, não se dá por força do poder discricionário do administrador, mas, segundo entendimento da doutrina e também da mais recente jurisprudência, decorre de atribuições de poder vinculado”.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais Aceitar Leia mais