Carreira: produtor de audiovisual pode gerir projetos milionários

Quer escalar seu escritório no digital em 2024 e faturar R$100k por mês vendendo serviços e mentorias? Clique aqui para reservar o seu lugar na mentoria experimental!

Só o mercado global de filmes e de entretenimento deve ter uma receita de US$ 170 bilhões até 2030


Captura de tela 2023 12 28 160158

À medida que a demanda por conteúdos audiovisuais cresce, as oportunidades para profissionais atuarem na indústria do audiovisual também aumentam. As produções têm a ver com a maneira como a sociedade cria e consome conteúdo. Nesse sentido, o setor é uma das principais vias de comunicação para pessoas e empresas atualmente. 

 

De acordo com o Statista, conteúdos de vídeo lideram o ranking mundial dos formatos com mais alcance. Para se ter uma ideia, somente no segundo trimestre de 2023, os vídeos online chegaram a 92,3% dos usuários da Internet em todo o mundo. De modo geral, os dados mostram que o vídeo tornou-se um dos formatos mais populares, integrando desde conteúdo educacional até análises de produtos, por exemplo. 

 

Mais especificamente, os vídeos musicais tiveram o maior alcance da categoria. Mais de 49% dos usuários online relataram assistir a esses materiais todas as semanas. O YouTube e o TikTok são as plataformas de redes sociais consideradas as mais importantes para usuários do mundo todo, já que o conteúdo de vídeo exige níveis elevados de envolvimento.

 

Dados de 2022 do Statista apontam que os smartphones e as televisões são os dispositivos mais usados para assistir vídeo sob demanda (VOD). Dos entrevistados, 36% e 34% relataram usar esses meios, respectivamente.

Crescimento do setor gera empregos, investimentos e desafios

 

Devido à demanda por vídeos, a busca por profissionais da área também está em alta. O contexto de crescimento leva as empresas a buscarem especialistas que possam atuar nesse encontro de criatividade e inovação para entregar trabalhos relevantes e produções sofisticadas, inclusive em lives e vídeos para as redes sociais. 

 

Os segmentos de televisão e cinema, que integram a indústria do audiovisual, também têm registrado crescimento em termos de investimentos e de alcance. Segundo a pesquisa “O impacto econômico do audiovisual na América Latina”, feita pela Deloitte sob encomenda da Netflix, estima-se uma receita de US$ 170 bilhões para o mercado global de filmes e de entretenimento até 2030. Até lá, a projeção é que o segmento audiovisual cresça a uma taxa anual média de 7,2%.

 

O estudo calculou ainda o impacto do setor na geração de empregos nesta região. De cada 100 pessoas empregadas no audiovisual, de 50 a 70 atuam em outros setores da economia. O dado mostra que o ramo impacta não somente a própria indústria, mas também gera empregos em campos relacionados ou dependentes.

 

Conforme aponta a pesquisa, por conta dos desafios econômicos enfrentados pelos países latino-americanos, para que o setor possa aproveitar melhor as oportunidades e apoiar a indústria, são necessárias mais políticas e parcerias entre as partes interessadas. 

Tendências de consumo, carreiras e salários

 

De acordo com informações da Kantar Ibope Media, os formatos de vídeos que os brasileiros mais consomem variam desde TV, passando por anúncios e vídeos no YouTube, até filmes e séries em serviços de streaming, como Amazon Prime, HBO Max e Netflix. O mercado nacional também tem sido movimentado por conta dos investimentos desses serviços em novas produções locais. 

 

Além disso, no âmbito da produção audiovisual para web, agências de publicidade e outras companhias de marketing contratam profissionais da área para criar campanhas, conteúdos para redes sociais, anúncios e outros vídeos para vender produtos e serviços. 

 

Nesse cenário, vale destacar que um produtor executivo de audiovisual no Brasil, por exemplo, recebe um salário médio mensal de R$ 16.203, de acordo com o Glassdoor. A remuneração para essa posição pode variar ainda de R$ 3.500 a R$ 100.000, com uma média de R$ 10.024.  

 

Como pode haver diversos profissionais em um único projeto de produção audiovisual – para transformar uma ideia em programa de TV, filme, treinamento, comercial, tutorial e vários outros formatos de mídia –, isso significa que as áreas em que o especialista em audiovisual pode atuar são diversas. As principais abrangem as três etapas de pré-produção, produção e pós-produção. 

Alguns exemplos de carreiras englobam roteirista, diretor, técnico de áudio, motion designer – área que une design e animação –, diretor de fotografia e filmmaker. Cada uma delas exige uma formação com conhecimentos gerais em audiovisual e habilidades específicas para desempenhar suas funções de maneira eficaz.

Inovações do setor imobiliário que vieram para ficar

Quer escalar seu escritório no digital em 2024 e faturar R$100k por mês vendendo serviços e mentorias? Clique aqui para reservar o seu lugar...
Âmbito Jurídico
4 min read

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *