Como o Brexit pode afetar o Brasil?

O bloco econômico e político da União Europeia está passando por um importante processo de mudança em sua composição, com a saída do Reino Unido.

O país anunciou que iria sair da UE em 2016 e desde então as negociações entre os 27 países europeus que compõem o bloco passaram a ocorrer de maneira cautelosa. Estas negociações formam o que chamamos de Brexit.

Esse conteúdo ajudou você? Está precisando comprar um livro?  Clique AQUI e vá direto para Livraria do Âmbito Jurídico!

Mas como o Brexit pode afetar o Brasil? Separamos algumas dúvidas comuns sobre o assunto nesse texto para você!

O que é o Brexit?

O Brexit nada mais é do que a saída do Reino Unido do bloco político e econômico da União Europeia . O processo começou em 2017 e deve terminar agora em 2020 e possui esse nome por conta da mistura das palavras “Britain” e “exit” (“Bretanha” e “saída” em inglês, respectivamente)

A proposta surgiu em 2016, em que o primeiro-ministro Boris Johnson trouxe a proposta de retirar o Reino Unido do bloco, por motivos políticos, mas, principalmente, econômicos.

Consequências do Brexit no mundo

A importância do Reino Unido na União Europeia é de grande importância, uma vez que o bloco é um dos mais poderosos e influentes no mundo.

Um ponto importante a se considerar é o fato de 45% das exportações britânicas serem com toda a Europa, o que, com o Brexit, as negociações de como funcionaram as relações comerciais deverão ser definidas, o que pode demorar mais 11 meses nas negociações.

Como o Reino Unido é a terceira maior economia que faz parte do bloco, há grandes chances de a UE sair perdendo nesse divórcio.

Consequências do Brexit no Brasil

Como as negociações entre os países que compõe a União Europeia ainda não estão definidas, grande parte das repercussões do Brexit no Brasil ainda estão em observação.

Haverá impactos em dois sentidos para o Brasil:

  • Nas relações comerciais entre Brasil e Reino Unido;
  • Nas relações entre Brasil e a nova União Europeia.

Brasil e Reino Unido

No ano de 2019, o país exportou cerca de U$2,9 trilhões para o Reino Unido, em alimentos como soja e frango, principalmente. Contudo, apesar do alto valor, não faz parte dos dez países que o Brasil mais realiza negociações.

Contudo, como as relações comerciais do Reino Unido serão diferentes após sua saída, é provável que aprofundem seus laços com países da América Latina, Ásia e África, dando mais oportunidade para o Brasil se aproximar e aumentar suas ligações com o país no setor agrícola.

O atual Ministro da Economia do Brasil, Paulo Guedes, já afirmou que o país deve ser um dos primeiros a selar acordos econômicos com o Reino Unido.

A maior ameaça dos acordos que serão realizados está com relação aos Estados Unidos, que concorre com o Brasil em uma série de produtos para exportação. Caso o Reino Unido prefira aumentar suas relações com o EUA, o Brasil pode perder espaço econômico global.

Fator Mercosul

Entre as dúvidas sobre como ficará a relação da União Europeia com o Mercosul, ainda não foram trazidas definições concretas entre os países. Contudo, um acordo entre o Reino Unido e o Mercosul pode ser mais interessante para o Brasil, uma vez que o país é menor do que o bloco econômico da América Latina.

Por outro lado, ainda há questionamentos sobre a continuidade da participação do Brasil no bloco da América Latina, uma vez que as relações comerciais devem ser feitas com todo o mercosul, que mostra-se desunido nos últimos anos.

Livre comércio e o Brexit

De maneira não oficial, fontes indicam que conversas informais sobre relações entre a nova União Europeia e o Mercosul se acentuam após a saída do Reino Unido em 2021.

As vantagens para o Brasil são de reduções zero da maioria das tarifas de importação e expansão nas importações agrícolas do país.

Dúvidas dos impactos aos brasileiros com o Brexit

Veja as principais dúvidas com relação ao Brexit que podem impactar a vida dos brasileiros:

Brasileiros que moram no Reino Unido serão afetados?

Antes mesmo do Brexit, já era necessário que os brasileiros que possuem residência europeia tivessem o visto de permissão. Com a saída do Reino Unido, será necessário que, para aqueles que viverem nas regiões britânicas, tenham a autorização de residência até julho de 2021.

Migrações de brasileiros para o Reino Unido

Um dos principais motivos para a saída do Reino Unido do bloco é a flexibilização de migrações entre os países que compõem a União Europeia. Por conta disso, podem-se esperar dificuldades maiores para morar no local nos próximos anos.

Contudo, nada foi oficializado ainda.

Turismo para o Reino Unido

Não há declarações de que haverá maiores impedimentos para viagens turísticas no país, sendo que, atualmente, os brasileiros são isentos de visto.

Intercâmbio e estudos no Reino Unido

O que se espera dos acordos que sejam realizados é que haja uma abertura maior para aqueles que estão em busca de intercâmbio estudantil ou na contratação de profissionais estrangeiros com qualificação.

Por outro lado, essa discussão ainda não foi priorizada, dado que o prazo para maiores definições de como serão as relações de convivência e econômicas na União Europeia vão até 2021.

Esse conteúdo ajudou você? Está precisando comprar um livro?  Clique AQUI e vá direto para Livraria do Âmbito Jurídico!

O adicional de insalubridade

Por Camila Franco A segurança e o bem estar social também são assegurados pela Constituição Federal dentro do ambiente de trabalho. Esse conteúdo ajudou...
MariaEduarda
1 min read

Advogados opinam sobre os efeitos da nova cédula de…

De acordo com o Banco Central a decisão, aprovada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), é uma forma de a instituição agir preventivamente para a...
MariaEduarda
1 min read

Ex-ministro do TSE critica Fidelidade Partidária

Admar Gonzaga diz que existe uma conduta autoritária e excessiva dos partidos brasileiros O jurista, professor e ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Admar Gonzaga Neto, defendeu...
MariaEduarda
2 min read

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *