SXSW – Day One do maior evento de inovação do mundo.

Você gostaria de escrever e publicar no Âmbito Jurídico? Clique aqui para se cadastrar.

 

Por: Rodrigo Gonzalez – Diretor Jurídico Âmbito Jurídico.

 

Em Austin, o evento SXSW tem uma importância que já parece ter sido incorporada à cultura da cidade. Traz um clima cosmopolita e alegre para as ruas, apresentando atrações que vão desde modernas tecnologias até músicos se apresentando nas suas belas e organizadas ruas. E assim começou o primeiro dia de um dos maiores eventos de inovação, música e cinema do mundo.

austin

 

Uma das primeiras diferenças que se pode notar no evento é que apresenta não apenas as novas tecnologias que o mercado já está validando, mas concentra muito da sua programação numa agenda criativa e de tendência, servindo como um farol para iluminar nossa percepção para onde nossa sociedade e nossos negócios estão caminhando.

Esse é o primeiro grande evento – com centenas de pessoas em cada auditório e dezenas de milhares caminhando nas ruas – desde o início da pandemia. E isso foi assunto constante (e celebrado por todos) nos conteúdos, discutindo os reflexos na nossa sociedade e como eles devem se desdobrar de agora em diante.

A mudança de hábitos que foi provocada trouxe questionamentos fizeram as pessoas buscarem maior compreensão sobre seus papéis na sociedade e também seus propósitos. E isso reflete nas suas relações consigo mesmas, mas também nas suas relações pessoais e profissionais.

A parte profissional mereceu destaque. Algo que eu pude perceber ao longo da viagem pelos EUA até chegar aqui foi o resultado do que vem sendo chamado “the great resignation”, ou em português “a grande renúncia”. O abandono do emprego por um número recorde de pessoas, porque esses trabalhos não mais satisfaziam suas expectativas ou estavam alinhados com seu propósito.

O trabalho remoto não será uma unanimidade como muitos cogitaram ao longo dos últimos meses, mas mais como um benefício para a aquisição e retenção de talentos.

Tecnologias como o metaverso e os NFTs dominam um grande percentual das pautas, mas já encarados de uma nova maneira. Essas tecnologias cada vez estão mais maduras para serem utilizadas por mais e mais pessoas, mas o evento revive a discussão do porque elas foram criadas:ideia de descentralização.

Nessa mesma linha, muitos painéis de tecnologia discutem sobre a “web3”, onde se espera alcançar o melhor dos dois principais momentos da internet até aqui, a produção de conteúdo pelos usuários e a descentralização.

Além das pautas de tecnologia, o evento traz grande riqueza política, discutindo a desinformação das pessoas e eleitores, especialmente pelo papel das grandes empresas de comunicação na transmissão de notícias falsas.

O evento logo no seu primeiro dia trouxe muita luz para reflexões que estamos vivendo ou ainda viveremos, mas chama atenção pelo ritmo acelerado que bem ocorrendo. O que é uma importante provocação ao meio jurídico, que precisará adaptar-se não só com regras que atendam às novas realidades, mas num ritmo que acompanhe as novas mudanças.

Você gostaria de escrever e publicar no Âmbito Jurídico? Clique aqui para se cadastrar.

Uma resposta

  1. É um desafio constante pela velocidade das mudanças que requerem a atuação permanente dos profissionais , na busca de apresentar esclarecimentos concisos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

LEITURAS RECOMENDADAS

Dicas para fazer uma boa gestão de contratos

Você gostaria de escrever e publicar no Âmbito Jurídico? Clique aqui para se cadastrar. A gestão de contratos é o processo de gerenciamento que envolve a execução e a análise de contratos, a fim de maximizar o desempenho operacional e

Background check pode diminuir golpes do PIX

Banco Central estuda responsabilizar instituições financeiras e medida reforça necessidade da checagem de antecedentes Você gostaria de escrever e publicar no Âmbito Jurídico? Clique aqui para se cadastrar. Na terça-feira (31/05), o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, declarou