Planejamento para profissionais liberais


Profissionais liberais são pessoas que trabalham por conta própria, sendo patrões de si mesmo. Para os prestadores de serviços, assim como para as empresas comerciais e industriais, o planejamento é reconhecido como um fator-chave para o sucesso.


Para que se faça um bom planejamento é preciso seguir alguns passos, sendo que o primeiro deles é a realização de uma cuidadosa análise do ambiente interno e externo para avaliar quem somos e onde nos encontramos. Conforme  Sun Tzu, o estrategista autor do milenar tratado militar, Arte da Guerra: “Se você conhece o inimigo e conhece a si mesmo, não precisa temer o resultado de cem batalhas. Se você se conhece, mas não conhece o inimigo, para cada vitória ganha sofrerá também uma derrota. Se você não conhece nem o inimigo nem a si mesmo, perderá todas as batalhas…”  Portanto identifique os fatores externos e internos que impactam no exercício das suas atividades:


Fatores Externos – Não se tem controle sobre eles, mas, devem ser monitorados.


Oportunidades – Elementos e forças do ambiente externo que podem nos beneficiar.


Ameaças – Elementos e forças do ambiente externo que podem afetar negativamente.


Fatores Internos – São recursos internos que podem ser redirecionados para contrapor as forças externas.


Pontos Fortes – Características, recursos ou competências do Profissional ou da empresa que favorecem o exercício da profissão.


Pontos Fracos – Características, limitações, incompetências do Profissional ou de sua empresa que impedem ou dificultam o crescimento.


Os Fatores do Ambiente Externo que devem ser monitorados são os demográficos, econômicos, naturais, tecnológicos, sociais, políticos e legais.


Os Fatores do Ambiente Interno que devem ser administrados são o Composto Mercadológico (produto, preço, promoção, ponto, pessoas, processos), recursos financeiros e operacionais.


Durante o processo de planejamento surgirão idéias de possíveis ações que poderão ser implementadas. Mas atenção! Obedeça a metodologia.  Não caia na tentação de elaborar as estratégias antes de concluir as análises. Limite-se apenas a anotar as idéias para posterior aproveitamento.



Informações Sobre o Autor

Soeli de Oliveira

Consultora e Palestrante do Instituto Tecnológico de Negócios nas áreas de Varejo, Vendas, Motivação e Atendimento


O papel democratizante da publicidade na advocacia

Resumo: A advocacia, uma profissão tão antiga quanto a própria história da humanidade, enfrenta obstáculos para assimilar institutos modernos da publicidade, principalmente por serem...
AmbitoJuridicoOld
65 min read

Advocacia moderna e planejamento estratégico

Resumo: Este artigo tem o escopo de convocar os profissionais da área para que reflitam a respeito do planejamento estratégico, expansão e melhorias nas...
AmbitoJuridicoOld
5 min read

Marketing jurídico

Resumo: O presente artigo científico é fruto de pesquisa realizada em escritórios de advocacia com o intuito de observar como utilizam as ferramentas de...
AmbitoJuridicoOld
20 min read

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *